30 de set de 2015

Entrevista | L!nk Desvenda



Oi pessoal! Estou aqui de volta e dessa vez pra divulgar uma entrevista que dei falando um pouquinho de mim e também do universo felino, seus mistérios e tudo mais!
Abaixo tem a transcrição pra vocês poderem curtir o que rolou nesse bate-papo super bacana!



Hoje estou de frente com uma das "revelações" felinas dos últimos anos. Um dos idealizadores do blog "Tudo Gato", o gato L!nk é antenado nas redes sociais e também ativo na defesa dos direitos dos gatos. Atualmente cuida de uma coluna onde ele desmistifica uma série de inverdades e preconceitos criados durante anos de história contra os felinos. E é sobre isso e muito mais que vamos falar hoje!

Olá, L!nk! Tudo bom, seja bem-vindo.
Muito obrigado, estou muito feliz de estar aqui representando a comunidade felina.

Como foi que você começou a participar mais ativamente do blog?
Bom, o pessoal do Tudo Gato é muito dedicado e interessado em ampliar o conhecimento sobre nós gatos e também de mostrar o quanto um gato é especial e diferente do que muitas vezes é falado a nosso respeito. Eu já vinha trabalhando nos bastidores desde o início e era meio que um "garoto-propaganda" do blog quando percebemos que um gato falando sobre sua própria experiência daria mais credibilidade.

E como tem sido a recepção dos leitores, maioria humanos, creio eu?
Ah, tem sido a melhor possível! Me seguem no instagram, curtem a página no facebook e sempre elogiam o trabalho que vem sendo feito que é uma verdadeira investigação sobre a vida felina e sua relação com os humanos que convivem conosco.
  
Mas como é, pra você, ter essa exposição toda da sua vida já que os gatos costumam ser mais reservados?
É tranquilo porque o que recebo é sempre carinhoso e ao contrário do que muitos pensam, nós adoramos carinho. Ainda não sou famoso a ponto de me reconhecerem na rua mas a abordagem respeitando o meu espaço e o meu momento é sempre recebida com prazer e alegria. É como quando coçam minha barriga; é muito bom até que não é mais. E pra mim está ótimo assim. O meu humano entende isso e nos damos super bem dessa forma.

Você acha que não é fácil lidar com os gatos?
Não acho, não. O humano tem uma tendência a rejeitar o que é diferente ou desconhecido e dá até pra dizer que é normal. E existe realmente uma "aura" de mistério envolvendo os gatos, logo, muitas vezes num primeiro momento, o início do relacionamento entre nós e os humanos é meio conturbado, mas se for parar pra analisar nós somos intrigantes porém fascinantes...

Como assim?
Os biólogos costumam dizer que somos "os mais sensitivos entre os mamíferos" e isso porque nós somos extremamente observadores e atentos. Temos uma percepção de mundo mais aguçada que outros animais, inclusive os humanos. O homem tem o costume de analisar e interpretar o comportamento de seus iguais e também de outras espécies. Acontece que os felinos fogem da previsibilidade. A gente gosta do improviso, da novidade. E aí que é muito comum olharem pra nós com a pergunta "o que será que ele está pensando?".

Então você considera o lado misterioso dos gatos algo positivo?
Mas é claro! Qual seria a graça de um relacionamento baseado na mesmice? Ou assistir um filme que você já sabe exatamente como vai acabar? Eu sempre ficava indignado quando pisava em algumas revistas em bancas por aí e via revelações dos episódios das novelas na capa! O fato de sermos exímios guardadores de segredos fez com que, durante milênios, fôssemos até mesmo cultuados e adorados por algumas culturas.

Adorados? Como se fossem deuses?
Pois é, acredita? (risos) Eu até contei essa história recentemente no blog. Acontece que a associar uma coisa com a outra é compreensível. Os egípcios, por exemplo: sofriam muito com ratos quando armazenavam suas colheitas. Quando descobriram que éramos exímios caçadores e "cuidávamos" dos roedores antes que eles destruíssem tudo nos tornamos os "heróis da agricultura". Os faraós trataram de incluir na lei uma regra que tornava crime matar ou causar mal a um gatinho. Aí a notícia foi se espalhando, a fama crescendo e sabe como o povo é, né? Aumentaram um pouco o teor dos nossos feitos e pra nos confundirem com divindades foi questão de tempo.


Os gatos não ficaram então um pouco "convencidos", 
com essa toda essa "bajulação" milenar?
Não! De maneira alguma... Pelo contrário. Apesar de diversas culturas ligarem nossa imagem à sorte e coisas divinas, infelizmente não fomos sempre alvo de veneração. Você acredita que durante a Idade Média, o Papa Gregório IX falou pra quem quisesse ouvir que odiava gatos, que éramos horrorosos e, pasme, diabólicos!

Nossa! Vocês foram literalmente do "céu" ao "inferno"...
Pois é... numa hora éramos tratados como deuses e na outra dizíamos que trabalhávamos pro "tinhoso". A perseguição nessa época foi ferrenha; nós gatos - e também os humanos que se relacionassem conosco eram até queimados... (silêncio)
Desculpe... é que eu até me emociono quando penso nisso porque é muito triste...


Vem daí então a relação conturbada com alguns humanos?
Pode ser, sim. São anos e anos de histórias e lendas a nosso respeito e estamos tentando recuperar o prestígio. De alguma forma isso também ajudou.

A perseguição aos gatos teve alguma repercussão boa?
A gente fica mais "calejado", sabe. Também por isso somos tão independentes e com um espírito "livre". Vivemos cada dia como se fosse o último e procuramos não causar problema e mal a ninguém. Quem se dá a chance de conhecer um gato mais profundamente não se arrepende.


Ok, L!nk, muito obrigado! Foi um prazer tê-lo conosco!

O prazer foi todo meu. Obrigado e muitos ronrons a todos! Miaaau!


Esta é uma corrente de whiskas brasil contra o preconceito aos gatos. Participe: marque um amigo que acredita nessa história!

___

Gato L!nk
Instagram: @tudogato



0 comentarios:

Postar um comentário

Olá!
Estamos muito gratos por receber seu comentário aqui no Tudo Gato!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...