22 de out de 2012

Birmanês | Gatos de Raça


Foto: http://www.catsofaustralia.com/burmese-cat-description.htm
Quando você adquire um birmanês, ganha de brinde uma dose grande de alegria em sua vida. Enquanto sua pelagem brilhante e marrom, e seus olhos dourados e grandes o atraem pela primeira vez, é a sua personalidade que mostra o quanto ele é viciante.
Tenha um birmanês, e apaixone-se!

História
O Birmanês como conhecemos hoje, foi desenvolvido nos EUA a partir de um único gato, uma fêmea chamada Wong Mau, que, como relata o Dr. Rosemonde Peltz no Anuário de 1968 do CFA, era "diferente de qualquer outra raça dos EUA ou da Europa.

Wong Mau foi trazido do Oriente para Nova Orleans por um marinheiro, e foi dado ao Dr. Joseph G. Thompson, de São Francisco em 1930.

Dr. Thompson serviu como médico da Marinha dos EUA, e, em alguns anos, ele tinha desenvolvido um interesse forte na Ásia. Ele passou um tempo em um mosteiro no Tibete e se familiarizou com os gatos na área, de pelos curtos, e de cor castanhos sólidos. Estes felinos, conhecidas como "gatos de cobre", devido a sua cor marrom vivida, se imaginam ter existido no sudeste da Ásia durante séculos.

Dr. Thompson estava tão encantado com Wong Mau que decidiu formar um grupo de cientistas e criadores experientes para estabelecer um programa de reprodução que poderia isolar as características distintas de Wong Mau, e consistentemente, reproduzir gatos de uma aparência semelhante. Com a ajuda de Virginia Cobb (Gatil Newton), Gerst Billie (gatil Gerstdale) e Dr.Clyde E. Keeler, um programa de melhoramento foi desenvolvido.

Como  o Dr. Rosemonde Peltz afirma: "É importante ressaltar que, na década de 1930, siameses e birmaneses eram muito semelhantes na aparência. O siamês, através de anos de criação, foi o que mais mudou o tipo do corpo, o tamanho e formato da cabeça.

O programa de criação original foi estabelecido ao longo de linhas estritamente científicas, e, depois de duas gerações, resultou em três gatinhos com colorações distintas: alguns pareciam com siameses, alguns pareciam com Wong Mau (com a cor marrom com pontos mais escuros, e corpo médio), e alguns tinham a cor sólida, castanho chocolate escura. Estes últimos foram considerados os mais atraentes, e, em seguida, o programa de melhoramento foi destinado a isolar a composição genética deste fenótipo. Verificou-se que estes gatos iam  de fato produzir consistentemente filhotes de uma única cor e aparência, enquanto as variedades como Wong Mau, continuaram a produzir gatinhos nas três variações de coloração. Wong Mau, portanto, provou ser o primeiro tonquinês, um híbrido dos siameses e birmaneses. Os resultados do programa de melhoramento genético experimental original foram publicados em abril de 1943, nos EUA, no Jornal das Hereditariedades, no artigo, "Genética do gato birmanês." Assim nasceu o birmanês neste país.

•    A CFA (The Cat Fanciers' Association, Inc) indicou como uma nova raça  em 1934,  e aceitou para registro em 1936. http://www.cfa.org

•    A TICA (The International Cat Association) reconheceu em Junho de 1979, e teve seu último padrão em 1994. http://www.tica.org

Aparência
Gato da raça Birmanês tem peso surpreendente para seu tamanho e tem sido, muitas vezes, descrito como “tijolo embrulhado em seda”.

O aparecimento desta raça sofreu grandes alterações ao longo dos anos.

O padrão de 1953 descreve este felino como "médio e delicado".

O padrão de 1957 o descreve como característica intermediaria entre os gatos domésticos de pelo curto e os siameses.

A raça pode ser dividida em dois tipos: birmanês europeu, ou inglês birmanês e contemporâneo ou americano.
Foto: directoryofcats.com/burmese_cat.htm

• Aspecto geral: De tamanho médio. Peso das fêmeas 2,700 a 4,500 kg, machos 3,600 a 5,400 kg
• Cabeça: Tipo americano: Arredondada, testa e bochecha redonda, queixo redondo e firme.
Tipo inglês: Forma de triangulo, ossos da face salientes, maçãs do rosto saliente.
• Orelhas: Tamanho médio, larga na base, espaçada, pontas redondas, ligeiramente inclinadas para frente, cobertas com pelos curtos.
• Olhos: Grande, bem espaçados, a cor amarelo dourado é a preferida.
• Pescoço: Forte, e curto.
• Corpo: Tipo americano: Tamanho médio, arredondado. Peito largo com musculatura forte.
Tipo inglês: Fino, menos compacto, mais pesado que sua aparência deixa supor.
• Patas: Proporcional ao corpo, pés médios e redondos nos americanos, e pequenos e ovais nos ingleses.
• Cauda: Comprimento médio.
• Pelagem: Pelo muito curto, fino, sedoso, brilhante, quase sem subpêlo. Quatro variedades básicas de cor: Zibelina, Azul, Lilás, e Chocolate.

Mais informações:
http://www.tica.org/members/publications/standards/bu.pdf
http://www.cfa.org/documents/standards/burmese.pdf

Saúde e Predisposição a Doenças
No caso do birmanês americano, segundo os pesquisadores, as mudanças que ocorreram no formato do crânio ao longo dos anos, tornaram um problema de saúde em alguns gatos, como deformidade craniana, excesso de lagrimas e problemas respiratórios devido ao tamanho reduzido das conchas nasais.

De acordo com alguns criadores, os ingleses não têm esses problemas físicos porque o formato da cabeça não é propícia.

Também pode ser propensa a gengivite, então deve ser feito um check-up dentário, e limpeza de tártaro quando necessário. Escove os dentes do seu gato regularmente com pasta de dente e escova própria para gato, pergunte ao seu veterinário para obter instruções detalhadas. Deixada sem tratamento, a gengivite pode levar a doença periodontal, o que pode causar a perda óssea, e prejudicar a saúde do seu gato com a infiltração das bactérias da placa bacteriana na corrente sanguínea, afetando o sistema nervoso, rins, fígado e coração.

Aconselha-se comprar de um criador que lhe dê uma garantia de saúde escrita.

Foto: ozkitty.com.au/webapps/i/60740/52585/60622
Cuidados
• O revestimento do birmanês, elegante e brilhante, geralmente requer pouco cuidado. No entanto, escovar uma vez por semana pode reduzir o aparecimento de bolas de pelos, e pode ajudá-lo a se relacionar com seu birmanês que adora atenção.
• Oferecer uma dieta equilibrada, preferencialmente uma ração de qualidade super premium, e água mineral ou filtrada.
• Cortar as unhas semanalmente.
• Escovar diariamente os dentes com escova e pasta indicada pelo veterinário.
• Evitar deixar sozinho por mais de 4 horas. Se não for possível, arrume um companheiro para seu gato.
• São gatos de casa, então coloque telas nas janelas, mantenha as portas fechadas, assim como faria para um bebê de dois anos.
• Arranhadores são interessantes.
• Visitas frequentes ao veterinário para orientações quanto aos cuidados e vermifugação, além de todo esquema de vacinação.
• Muito amor, carinho e atenção.

Comportamento/Temperamento

Birmanês possui um humor adocicado, e adoram qualquer colo disponível. Eles são gatos brincalhões e sua natureza lúdica o faz adorar os jogos dos membros mais jovens da família; facilmente toleram estar vestido com roupas de boneca. Eles são gatos muito sociais, e ficam sozinhos se não houver ninguém em casa, lembrando de não ultrapassar 4 horas.

Birmanês tem olhos grandes e expressivos, que são grandes piscinas de inocência e sedução. Esses olhos são a sua arma mais persuasiva no seu arsenal de traços cativantes que mascaram um incrível poder de hipnotizar seus proprietários com seu excesso de  amor.

Birmanês é quase um cão, com tendência a grudar em seus donos, no desejo de dar e receber afeto. Eles amam calor humano e carinho, e desfrutar do aconchego na cama, debaixo das cobertas ou no colo das suas pessoas favoritas. As fêmeas tendem a solicitar o centro do palco e ter um papel ativo na vida da família. Os machos preferem supervisionar olhando de fora, são mais descontraídos e menos opinativos. Se emocionalmente desprezado por seu proprietário, ficam de mau humor, mas, felizmente, não por muito tempo.

Birmanês, muitas vezes convertem a pessoa que não gosta de gatos em um amante de gatos.

Estejam prevenidos, eles podem viciar, e, como batata frita, vocês pode achar pouco ter apenas um. Muitas pessoas acham que a experiência completa do birmanês é ter um de cada sexo, e talvez de diferentes cores.

Deve evitar deixá-los ao ar livre, pois eles são  muito confiantes e têm pouco, se tiver algum, instinto de sobrevivência. Sua idéia de sobrevivência é te olhar com seus olhos profundos para atender a todas as suas necessidades. Isso não funciona para a captura de alimentos, lutando contra inimigos ou evitar carros.

O que você ganha tendo um birmanês é muito amor, mas não um amor brando ou chato. É como viver com uma pessoa pequena, que tem uma mente própria, mas ama a distração de qualquer maneira. É uma raça a ser valorizada porque da tanta alegria para os muitos proprietários que compartilharam suas vidas com estas criaturas cativantes.

Notas
• Nota 1: Não confundir as raças:
Birmanês =Burmese
Sagrado da Birmânia=Birman
• Nota 2: Apesar de todas as qualidades de um gato de raça, um vira latinha apresenta milhões de qualidades, que o farão tão ou mais especial que qualquer gato de raça pura.
• Nota 3: Pense sempre em adotar um gatinho. Não existe um ato de amor tão especial, quanto à adoção.
• Seja adulto ou filhote, não compre, adote.

Peço que, por favor, após a leitura do artigo, curtam esta matéria no Facebook, no Twitter e no Google, ajudando o blogg crescer, e ficar cada vez melhor.

Médico Veterinário Marcelo Samegima Aleixo
Tel.: (13) 34668585 (Consultório DogVila)
http://www.facebook.com/profile.php?id=100000623329523
e-mail e MSN: msaleixo@hotmail.com



1 comentarios:

Gabriel disse...

Olá equipe do Tudo Gato!
Amo felinos e amo esse site, é tudo perfeito, as postagens, os vídeos, as imagens, as dicas (que eu sempre sigo, aliás) e foi aqui inclusive que eu descobri a raça da minha gata querida (que que foi me dada no ano passado), chamada Chanel, que até então eu achava que era SRD, mas é Russian Blue...
Eu tenho um blog sobre música mas eu sempre indico outros sites e blogs que eu gosto, e eu fiz um post sobre o Tudo Gato: http://gvenditti.blogspot.com.br/2012/06/tudo-gato-pra-quem-e-curioso-como-eles.html
Espero que tanham gostado.
Beijos e muito obrigado pelo site MARAVILHOSO!!!

Postar um comentário

Olá!
Estamos muito gratos por receber seu comentário aqui no Tudo Gato!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...