Nem só de grandes gatos vive o mundo dos felinos selvagens! O gato em foco desse mês é o lindo, mas pouco conhecido, gato-do-deserto (Felis margarita), que junto com o gato-de-patas-negras, é o menor da espécie, chegando a apenas 60cm de comprimento e os machos adultos pesando não mais de 3,5kg - menores que muitos gatos domésticos (bom, pelo menos pra mim que tenho um Mainelata de 7kg)!


As orelhas enormes do gato-do-deserto servem
para a caça e também como ar-condicionado pessoal!
Foto: Bea
Como o nome indica, esses felinos são encontrados em áreas desérticas africanas: Saara, Marrocos, Egito, Sudão e Mauritânia. A pelagem espessa cor de creme ou amarelo bem pálido, com listras cor de ferrugem e as pontas das orelhas negras são a camuflagem perfeita para o ambiente árido e com pouquíssima vegetação onde vivem.


As orelhas são comparativamente grandes e, além da função óbvia de ouvir os mínimos movimentos das presas, também ajudam a regular a temperatura interna, pois perdem calor facilmente, refrescando o animal.


Uma característica única são as patas completamente cobertas por pelos (as "almofadinhas", ou "amendoins", não são visíveis), protegendo contra a areia escaldante durante o dia e as temperaturas baixas durante a noite, fazendo com que o gato-do-deserto seja completamente silencioso quando caça.


Os gatos-do-deserto não são adaptados a subir em árvores e obviamente são péssimos nadadores, mas são excelente cavadores, passando a maior parte do dia em buracos nas dunas de areia, saindo para caçar pela manhã ou no fim da tarde, quando as temperaturas são mais amenas. As presas mais comuns são roedores (gerbilos, ratos, lebres), pássaros, insetos e ocasionalmente pequenas cobras.


Como a maioria dos felinos, são caçadores solitários e chegam a andar até 5km todos os dias em busca de comida, mas não são territoriais - vários indivíduos podem morar no mesmo refúgio ou caçar no mesmo território, mas normalmente tem um sistema de "turnos", para evitar competição direta pela mesma presa.


O pelo é denso, protegendo das variações enormes
de temperatura entre o dia e a noite (foto: Dawn Edwards)
http://www.flickr.com/photos/57044614@N00/
Assim como os gatos domésticos, os gatos-do-deserto miam, ronronam e assopram, mas têm um chamado especial usado durante a época de reprodução, que mais parece um latido! A gestação dura entre 60 a 69 dias e nascem até 5 filhotes, que se tornam independente da mãe ao 3 ou 4 meses.

Em cativeiro esses felinos vivem até 13 anos.


Os gatos selvagens de pequeno porte são complicados para serem estudados no habitat natural, pelo próprio tamanho do gato e por causa das patas cobertas de pelo que praticamente não deixam rastros. Apesar de serem caçados por esporte, para serem vendidos como animais de estimação ou como alimento para outros animais, a grande maioria das sub-espécies de gato-do-deserto não estão ameaçadas de extinção. A única sub-espécie classificada como EN (em perigo) e provavelmente já extinta na natureza, é o gato-do-deserto paquistanês (Felis margarita scheffeli).


O gato-do-deserto pode ser pequeno e extremamente gracioso,
mas não é um animal doméstico! (foto: Dawn Edwards)
http://www.flickr.com/photos/57044614@N00/
Durante a pesquisa para a coluna infelizmente um dos zoológicos em Kent, que tinha não só gatos-do-deserto, mas também outros animais relativamente raros em cativeiro, teve de fechar as portas por problemas econômicos... Os animais todos felizmente já estão encaminhados para outros zoos na Europa, mas no momento parece que os pequenos felinos não têm o interesse do público em geral, que só querem saber de tigres, leões e leopardos. É uma situação triste na minha opinião, pois zoos menores ou mais especializados não sobrevivem, e qualquer plano de procriação em cativeiro (muitos visando a reintrodução a natureza de especies muito ameaçadas) fica comprometido.


Eu sei que muita gente é radicalmente contra zoológicos (claro que quando falo "zoológico" penso nos que têm condições adequadas aos animais), mas se deixados ao Deus-dará na natureza, milhares de especies já estariam mais do que extintas! O que vocês acham, sim ou não ao zoológicos?


Bea
twitter: @Foco_felino



11 comentarios:

Zanarde disse...

parabens a todos os veterinários.....

Eu adorei essa coluna, eles são lindos.... eu acho se for um zoo como vc falou, sou a favor....

bjs

luciana garcia disse...

amei conhecer o gato do deserto!! que fofo!! eu sou a favor de zoologico, aquarios e afins qdo a gente vê que os animais são resgatados, são tratados e as espécies preservadas...

João Víctor disse...

Melhor um (bom) zoológico que um circo. Period.

João Víctor disse...

P.S.: O L!nk no veterinário tá demais!!! Seria a Dra. Alice???

Bea disse...

Obrigada pelos comentarios!
Que bom que voces concordam comigo! Bons zoologicos ajudam na conservacao e pesquisa para evitar a extincao de especies que o proprio ser humano impoe.
Joa Victor, ta certissimo, animais em circo nem em pesadelo, me da arrepios so de pensar! Isso sim é crueldade!

marisa licursi disse...

Nossa, que fantástico, Querida!
Amei!!

Bea disse...

Obrigada pela visita, fico contente que voce gostou, Ma, uma das minhas crazy cat lady favoritas rs!

Gutoneto disse...

eu sou totalmente de acordo ja formo minhas proprias opniões mesmo sendo criança e digo SIM ao zoologicos mais eu acho que tem que ser zoologicos adequados e que dem tipo uma liberdade especial para os animais que os deixe viver como na natureza com arvores e tudo mais!

Bea disse...

Obrigada pela visita Gutoneto! E parabens por ser tao inteligente e esclarecido!

Rafaela Lima disse...

Olá! É tão gostoso conhecer mais e mais sobre os felinos né!

Adorei seu site!

bjk e fica com Deus!

Viagens marrocos disse...

"Grande artigo e óptimo blog! Deixe aproveitar este seu espaço de comentários para apresentar Viagens em Marrocos.
Somos uma equipa de especialistas em turismo por todo Marrocos. Planeamos viagens de sonho em Marrocos, passando por deserto, cidades, montanhas e oásis de uma beleza incrível.
O nosso site é http://www.viagens-em-marrocos.com, e aí pode ver mais detalhes e ideias.
Se estás a pensar em Marrocos, vem experimentar um dos nossos veículos 4x4 e conhecer os segredos mais escondidos.
Obrigado.
Omar"

Postar um comentário

Olá!
Estamos muito gratos por receber seu comentário aqui no Tudo Gato!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...