* PROMOÇÃO ENCERRADA *

Há um bom tempo não fazíamos uma promoção no Tudo Gato, mas para tirarmos o atraso, viemos com uma que irá (tomara rs) BOMBAR neste blog!

A Editora Globo achou o Tudo Gato e seus leitores muito cultos e simpáticos, e resolveu nos fazer uma cortesia! Mandará para o vencedor da promoção um exemplar do livro As nove vidas de Dewey.

A primeira história contada no best-seller Dewey. Um gato entre livros, teve uma aceitação tão boa, que a autora Vicki Myron decidiu contar outras histórias envolvendo o famoso bichano.


Dewey já morreu, com a inacreditável idade de 19 anos! Mas suas histórias permaneceram como lendas na cidade de Spencer, e continuam a atrair a atenção de fãs do mundo inteiro. São pessoas que foram resgatadas de alguma forma pelo sentimento de companheirismo e afeição, e se reconhecem nas histórias do gato. Este lançamento é só mais uma prova de que há algo muito, muito especial na relação entre os bichos e os humanos.

Mas como irá funcionar essa promoção?

Fácil! Você irá nos dizer, aí nos comentários deste post, um livro envolvendo animais, que tenha gostado muito e qual lição de vida você tirou dele.

A Laura (da coluna Gato do Livro, no twitter: @GatosBiblioteca) irá julgar as três melhores frases, emotiva ou criativamente. Dessas três, a equipe do blog fará a escolha, por votação, da frase vencedora!
Cada pessoa poderá participar apenas uma vez. Caso tenha postado mais de um comentário, valerá o primeiro.

Quando fico sabendo se ganhei esse livro incrível?

Você poderá participar até o dia 29/04/2011 (6ª feira) de manhã! No período da tarde divulgaremos o vencedor.


Caprichem na resposta e boa sorte!!!

* PROMOÇÃO ENCERRADA *



53 comentarios:

Taty Maddarena disse...

Um livro que me emocionou demais foi De Bagda, com muito amor, por mostrar que mesmo o mais machão com a profissão mais difcil e rigida do mundo não resiste a um filhote fofo, mesmo no cenario mais terrivel: a guerra. Além de ensinar que todo esforço é recompensado, e que toda vida merece uma segunda chance.

Fabiana e Ricardo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
OKTOBERBLOG disse...

Um livro muito interessante que envolve animais e mudou minha vida foi "Pequenos Guardiões", de David Petersen. .... A maior lição de vida que tirei desta obra foi a garra e luta dos pequenos ratinhos guardiões, para proteger seus amigos e sua terra...

Adri! disse...

Beleza Negra, de Anna Sewell, é um dos livros da minha vida. Primeiro, porque foi um dos primeiros livros que li com aquela vontade de leitora. Isso mesmo! Eu tinha meus 10 anos e começar, por Beleza Negra, a 'devorar' a biblioteca dos meus pais. A publicação já era incrível a começar pela capa dura. Nas páginas que se seguiam, muito mais letras do que imagens, o que me dava a plena sensação de que, embora meus 10 anos, eu já era 'grande leitora'. Mas o que me encantou mesmo na história do cavalo, contada por ele próprio, era a ideia que devemos sempre ter esperança na busca pelo amor, pelo bem estar e pelo respeito, seja entre os homens ou entre homens e animais. Beleza Negra, enfim, é uma grande lição de vida. Uma lição que deve ser sempre resgatada através das gerações de leitores, porque é preciso por fim às crueldades contra os animais!

Fabiana e Ricardo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Claudia disse...

Um livro que adorei foi o "Amor em Minúscula", de Francesc Miralles.
A lição que tirei dele foi que as vezes uma pequena criatura, sem nenhuma intenção, pode mudar sua vida. Fazendo você se abrir para a vida, querer se relacionar com os outros e acreditar que é possível ser feliz!

Madam Maxwell disse...

Meu Livro "animal" foi "Marley e eu" a alegria e o companheirismo de um bicho que nada quer além de seu amor e compreensão, e acaba nos presenteando na troca com brincadeiras, invencionices, proteção,carinho e amizade incondicional acima de tudo.

Reynaldo N Kajita disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Reynaldo N Kajita disse...

O Livro que li e me deixou uma licao de vida e moral e o Incrivel Dom de Oscar, me ensinou a lidar com a vida e morte, e o que fazer qto ao momento de dizer adeus a pessoa que amamos, alem do que mostrou que devo curtir muito as pessoas que me cercam, pois um dia elas se vao, pois nada e para sempre

Fabiana Oide disse...

Para mim o livro que marcou a minha vida foi "A revolução dos bichos" de George Orwell. A lição que tirei do livro é que a busca pelo poder subverte os valores do homem.

Gleyce disse...

Entre muitos livros que li com animais o livro "Um Leão chamado Christian" foi incrível para mim, a força de vontade de seus dois donos de dar a ele aquilo que ele realmente merecia. Eles perceberam que além de ser impossível criar um Leão em uma cidade seria uma tremenda maldade privar Christian das maravilhas de viver como o “rei da selva”. Com isso, eles não mediram esforços para levá-lo ao seu habitat natural. Porém não os julguei quando eles o compraram na loja de animais, pois sabiam que algum circo poderia comprá-lo e fazer de Christian mais um Leão infeliz.
Outro ponto importante e que para mim o mais emocionante foi o reencontro de Christian anos depois com seus donos, mesmo sendo um Leão selvagem não esqueceu daqueles que cuidou dele com muito amor e carinho.

Silvia Freitas disse...

"Nossos Irmãos Animais", de Marcel Benedetti, foi o livro que mais me emocionou. Livro dedicado aos animais, desse querido e já falecido veterinário espírita, o livro me ensinou que todos os animais têm alma, sentimento e são queridos por Deus. Aprendi que quando um animal morre, ele não deixa de existir. Vai para um lugar especial, dedicado aos animais, que continuarão em sua escala evolutiva assim como nós. O livro é pura emoção e amor aos animais, que nos faz compreendê-los e cada vez mais querer ajudá-los por serem nossos irmãos menores.

Veridiana Maenaka disse...

"Caninos Brancos", de Jack London, apresenta um retrato psicológico impressionante de seu protagonista metade cão, metade lobo (isso muito antes de surgirem os "encantadores de cães") e me ensinou que ganhar a confiança de um animal é conquistar um amor para toda a vida.

Leo disse...

A o livro que li foi "Marley e eu", aprendi com ele que um animalzinho na sua vida pode modificar-la toda. Que o amor dele por você será eterno e o amor verdadeiro move montanhas para proteger quem a gente ama.

Adriana disse...

Dewey o gato entre os livros é um dos que eu mais amei ler, eu amo os animais mas sou especialmente apaixonada por felinos e aprendi que um bichano é capaz de conquistar os corações mais duros quando é dada uma oportunidade a ele, felinos infelizmente ainda são marginalizados e Dewey mostrou para muitos o que amor e oportunidade são capazes de transformar e salvar pessoas e animais.

Laurinha disse...

Um leão chamado Christian! Livro incrível sobre amor, respeito e luta de dois humanos que por amarem tanto um leão, moveram céu e terra para devolvê-lo à liberdade! Exemplo de que quem realmente ama quer o melhor, mesmo que o melhor seja não ter mais um leão de estimação.
marialaura@gmail.com

Zanarde disse...

O livro contendo animais que recordo dar uma lição de vida foi o livro “Marley e eu”. Quem poderia imaginar que um “simples” animal, uma pequena vida pode mudar nossas centradas existências. O amor que o cachorro desenvolveu em seus donos mostra que para essas criaturas divinas não há interesse em amar. Amam apenas por amar. Coisas simples como brincadeiras iluminam a vida. Identifiquei-me com o livro, pois tenho uma gata que desenvolveu em mim algo semelhante ao que Marley fez com seus donos. Se você quer aprender o amor ágape, olhe para essas criaturas de Deus. Dão sem esperar algo em troca. Não importa se são bagunceiros, eles sabem burlar a raiva e plantar o amor.

Andrea Silva disse...

Um dos livros que mais gostei foi "As crônicas de Narnia", vi o Leão na mesma perspectiva que nós vemos e acreditamos em Deus, achei a associação muito válida, já que não existe amor e dedicação mais pura e sem interesse que a dos animais. Toda a bondade envolvida, que não diferenciava nenhuma outra raça (nem mesmo os humanos) me parecia muito familiar, lembrando todos os bichos altruístas e carinhosos que já passaram pela minha vida... Gostaria que eles também pudessem falar com palavras, como no livro.

Camila disse...

Adorei o livro "A lion called Christian". A famosa história que algum tempo atras fez sucesso no Youtube tem muito mais coisas por trás do que podemos imaginar! É daqueles livros que, como Dewey um gato entre livros, você fica agoniada, chora, dá risada sozinha e confesso: me deu vontade de adotar um leãozinho. O grande ápice da história é o empenho dos dois jovens 'pais' do Christian em dar a ele um futuro longe dos malvados circos e da vida limitada no Zoo, o grande sucesso que foi a sua reabilitação na natureza, a realidade dos caçadores ilegais na África, e como existem pessoas que como George Adamson que, estavam dispostas a dar a sua vida para que, não só Christian, mas outros leões pudessem viver livres, e como recompensa, não o reconhecimento dos humanos, plateia da história, mas sim o reconhecimento de quem eles mais queriam bem, mesmo anos depois da separação.

Repositório disse...

"Amor em Minúscula" (Francesc Mirales) veio a mim no mesmo momento em que eu estava adotando outros dois felinos. Mesmo sem noção de quanto, um felino aparece e modifica todo o funcionamento de nossas vidas, acabando por gerar muitos encontros e desencontros que possivelmente não ocorreriam sem eles.

LucyAnna Von Beust disse...

"É proibido miar" (Pedro Bandeira).
A história de um cãozinho que ao invés de latir, mia e é desprezado pela família e pelos donos por esse seu jeito diferente.
Foi um dos primeiros livros que leram para mim, e até hoje está nos meus favoritos.
Pois naquela simples história de criança aprendi que não precisamos ser iguais á todo mundo para ser feliz, que devemos ir atrás do que nos faz bem mesmo que a nossa própria família desaprove. Porque ser diferente não é errado ainda mais quando não faz mal a ninguém!

Amor e Miados disse...

Um livro que me marcou muito foi "Meu Querido Christopher" , uma estoria de amor, respeito e companheirismo entre uma moça e seu porco, mostrando que os maiores amores da vida podem vir nos mais diferentes formatos para quem consegue ver com os olhos do coração :)

Specialevet disse...

"Procurava um marido e encontrei um cachorro". Um livro com um certo humor que leva o leitor a refletir sobre suas certezas e prioridades. Nele uma mulher bem sucedida vê seu mundo desabando e descobre em um cachorro adotado "à força" um amigo fiel e amoroso, do qual não quer mais se separar, diferentemente do seu ex-noivo canalha.

samela disse...

o livro que mais me comoveu ate hoje foi "o gato do teatro", é uma historia muito linda e comovente de um gato que sofre pra achar um lar, ate que um bom velhinho da um lar a ele, num teatro abandonado, mais um dia o velho morre e gato fica só mais uma vez, por fim o gato é esquecido la, preso e sem o que comer e beber ele também falece.
a lição que aprendi com esse livro é que as vezes os bichinhos querem um lar e uma familia e serem abandonados pra morrer, mais serem adotados pra se cuidar e amar.

samela disse...

outro livro e também filme comovente, foi o Marley e eu,
uma historia bem comovente de um cachorro bagunceiro e malandro, mais demonstra também que por mais chato e malandro que o cachorro fosse eles nao o abandonaram nunca e sempre tavam ajudando ele, ate a sua morte no final do livro, onde todos se emociam e lamentam.

Nathalia Goldszmidt disse...

O livro q mais gostei foi "O homem que ouvia cavalos". Conta a história de Monty Roberts, q criou a doma sem violencia. Nos mostra que para lidar um animal não é preciso nenhum tipo de violencia, apesar de monty ter 72 ossos de seu corpo quebrados com apenas 12 anos de idade, pelo seu pai. Para se curar e se sentir melhor, Roberts andava a cavalo e viu q com amor, era mais facil de conseguir domar e fazer com que os cavalos confiem em vc. Mostrou pra mim quanto é grande a ignorancia da maior parte dos homens em relção aos animais

tatiane disse...

"A arte de correr na chuva", de Garth Stein. A história de uma família é contada sob a ótica de Enzo. Um cachorro com alma humana. Ele acredita que todo cachorro depois que morre se estiver preparado, reencarna como um ser humano. E aprendeu com seu dono, um apaixonado por corridas de carro, que na vida, assim como nessas corridas, a velocidade nem sempre é a melhor estratégia. Uma história emocionante sobre amizade, amor, tragédia e redenção. Contada com a sensibilidade especial, verdadeira e única dos animais.

carine disse...

Li marley e eu e chorei a ponto de soluçar enquanto trabalhava, pra mim sinal de amor incondicional era ter um cachorro, porém fui contra minha teoria e adotei minha gatinha encreiqueira Alice....ela sim mudou minha vida, ela é um livro que leio diarimente, me ensina a ter paciencia qdo tenta me fazer perder, me faz chorar e sorrir ao mesmo tempo qdo vejo ela tao meiga dormindo , e me faz dormir totalmente imóvel pq se ocupa da minha cama quase toda e eu fico com medo de machuca-la...Alice é minha lição diaria.

Docee disse...

O livro "animal" que li e me emocionei foi Marley e Eu, do John Grogan. A historia do livro é de um amor incondicional pelo bichano, desde sua chegada a casa dos Grogans até a sua morte. A lição de vida extraida foi de que nao importa quem vc seja, o que tenha e como é, para nosso amigo bicho, vc é a pessoa mais especial, tanto é que isso é reciproco, pois nossos bichinhos de estimação já fazem parte da familia como um todo, envolvendo todos nos acontecimentos da vida cotidiana. Mostra a força do amor e oq ele nos proporciona a fazer em relação a isso, a gente move o mundo, por aquilo que realmente amanos e queremos. Eu, hj, nao saberia mais viver sem meus bichinhos, sao como filhos. "Quantas pessoas fazem você se sentir raro, puras e especiais? Quantas pessoas nos faz sentir...extraordinários?" John Grogan

Lívia Fernanda de Oliveira disse...

Um livro que eu amei foi o Amor em Minúscula, do Francesc Miralles, pois foi o único livro de animal que eu li que eu consegui não chorar. Esse livro é mais light. Amo livro de animais, mas eu choro muito quando eu leio...!

Jennyfer Lencioni disse...

Adorei o livro a "Arte de correr na chuva". É uma história contada por Enzo, o cachorrinho da família. Nos mostra quanto amor e sabedoria um bichinho é capaz de mostrar, o quanto se preocupa conosco e que, no lugar de irracional é muito especial!

Mariana Magatto disse...

ahh!!! Eu adorei A Odisseia de Homero de Gwen Cooper!!! A história verídica de um gatinho abandonado que nasceu com problemas graves nos olhos e com menos de um mês de vida, teve que fazer uma cirurgia para retirar os dois olhos. Ninguem queria adotá-lo e ele seria sacrificado, até que Gwen o adotou e ele deu a ela, assim como para mim, um lindo exemplo de vida, dos verdadeiros valores da vida. Ele conseguiu se sobrepor à deficiência, encarar os desafios cotidianos e consegue levar uma vida normal. E o livro nos mostra que as vezes muitos dos seres humanos, mesmo com todo o vigor físico e perfeiçao dos sentidos deixa de vivenciar uma existencia plena, e Homero (nome dado ao gatinho por conta do escritor grego da Odisseia, que era cego), mesmo com a deficiencia tinha uma vida normal e era muito feliz!!!!!!!!!

Ignez Quintella disse...

Um livro que li recentemente, e que gostei muito, foi "O Incrível Dom de Oscar". Esse livro me fez pensar sobre a vida e me fez pensar em não pensar sobre a morte. Quem leu-o me entenderá...
beijinhos

Wanderson disse...

O livro sobre animais que mais emocionou foi "Dewey, um gato entre livros"... Terminei de lê-lo recentemente e foi o melhor livro que já li. Vicki descreve os hábitos, as características e as peripécias de Dewey de uma forma tão real e cativante que eu não queria que o livro acabasse nunca, passei em torno de 5 meses lendo-o, vagarosamente, e imaginando cada cena descrita.
Dewey mostra para o mundo que os gatos não são animais interesseiros e traiçoeiros, como a maioria pensa, e que podem preocupar-se em defender seus donos. Como prova disso, a autora descreve o incidente na sala da "hora da história", onde Dew, com todos seus esforços, tentou avisar a presença de um morcego no mesmo local com as crianças. Ele tenta chamar atenção de Vicki, mas ela o ignora, e como última tentativa fez xixi nos cartões da biblioteca que localizavam-se abaixo do local onde o morcego estava... após ler isso, passei a observar os movimentos e reflexos dos meus felinos... Esse livro foi o único que me fez chorar, pois como um simples gato de uma biblioteca conseguiu mudar a vida de uma pequena cidade e de milhares de pessoas ao redor do mundo???... Os gatos e seu sentimento puro e misterioso que nos envolve e nos faz entendê-los, sem que haja palavras, mas apenas com simples trocas de carinho, afeto e olhares...
Feliz aquele que tem um gato em sua vida!

Wanderson Santos

Laiza disse...

"O Incrível Dom de Oscar" foi perfeito, pois só confirmou o que eu já imaginava: o poder dos gatos como acompanhantes mágicos de pessoas e famílias que vivem situações de doenças incuráveis. Sou enfermeira paliativista e trabalho com idosos com demência, todos bem velhinhos e dependentes. A presença dos animais na clínica realmente fazem diferença na vida de todos, inclusive na equipe de saúde que presta o atendimento.... (Laiza Boell)

Larissa Colombi disse...

O livro que mais me cativou foi "A odisséia de Homero" que conta a história de um filhote de gato, que devido à problemas de saúde perde os dois olhos, me ensinando que não devemos supervalorizar aparências e que somos capazes de desenvolver muito mais outros sentidos, principalmente o afeto, que torna nossa vida muito mais agradável e feliz.

mara torres disse...

Li dewey, chorei, ri, pensei, revivi historias. E aprendi mais ainda a amar meus gatos, meus pets. Para mim a maior liçao que se pode tirar desta leitura é o AMOR e a BONDADE. Não só para com nossos amigos de quatro patas, ama-los é facil, dificil é amar o SER HUMANO.

Ana Paula Miranda disse...

"Amor em minúsculas" que mostra como um gatinho, que por muitos que não conhecem gatos é considerado um animal sem sentimentos, provoca na vida de uma pessoa solitária uma reviravolta e a torna cheia de surpresas e encontros.

Regina Carrado Oliveira disse...

Um livro interessante e que amei ler, foi o livro a Revolução dos Bichos..vale a pena ler a vida dos bichos na fazenda, a parte das reuniões são sensacionais...
O que aprendi e aprendo é, que os animais somos nós...os bichinhos são anjos de 4 patas que Deus colocou em nossas vidas para aprendermos a respeitar o próximo, a sermos leais e amarmos sem querer nada em troca...Observemos mais esses maravilhosos bichinhos e aprenderemos a conviver melhor com nosso próximo.

Regina Carrado Oliveira

Anônimo disse...

EU LI O GATO QUE VEIO PARA O NATAL. É UMA LINDA HISTÓRIA SOBRE UM ATIVISTA QUE ACHA UM PEQUENO GATO NO MÊS DE DEZEMBRO, EM NEW YORK. ELE PASSA A AMAR O GATINHO COM SUAS TREMENDAS BRINCADEIRA, ELE PENSOU ACHAR UM GATO CINZA, RESOLVENDO DAR UM BANHO NO GATINHO ELE VÊ QUE ELE É NA VERDADE BRANCO, E COLOCA O NOME DE DE POLAR BEAR QUE QUER DIZER URSO POLAR POR SER BRANCO, A HISTORIA É REALMENTE LINDA. LI TAMBÈM DEWEY E A REVOLUÇÃO DOS BICHOS MUITO BONS TAMBÉM, O QUE APRENDI FOI QUE OS ANIMAIS NOS AMAM E PRECISAM DE AMOR, CARINHO E CUIDADOS COMO QUALQUER UM DE NÓS. EU AMO MUITO OS ANIMAIS, PORISO SOU VEGETARIANA E ATIVISTA.

ELISA BITTENCOURT.

O Animal Legal disse...

Dos muitos livros envolvendo animais que lí, um que me emocionou muito, inclusive me levando às lágrimas, foi o do próprio Dewey, um Gato entre Lirvos, pois por muitas vezes me vi criança, solitária no afago de uma biblioteca. A parte em que ele senta no colo das pessoas que vão até a biblioteca e simplesmente alí sentam foi especial pra mim pois alí entendi que quando menos parece que precisamos de compania, muitas vezes é quando mais a necessitamos.

Dani Faber disse...

Além de Dewey, um gato entre livros, uma história de animais que me marcou muito foi a de Amor em Minúscula. O livro mostra que, mesmo aquelas pessoas mais reservadas, que se fecharam para o amor ou para o convívio humano por terem sido magoadas de alguma forma ou por algum outro motivo, ainda têm dentro de si amor para dar. Basta alguém saber despertá-lo. E, nestas horas, ninguém melhor do que os animais, especialmente os gatos, para invadir a vida da gente com suas estripulias, charme e carinho para nos conquistar e provar que por amor, independente da forma, vale à pena arriscar e derrubar as barreiras de proteção.

Mirella Figueiredo disse...

Sou gateira desde os 10 anos quando ganhei de um amigo querido meu primeiro gato.
Gatos são simplesmente parte de minha vida e ponto.
Então, claro que o primeiro livro que li sobre animais era um livro pra crianças e tinha que ter gato no meio.
É uma história linda, de amor entre um gato e uma andorinha... Imaginem só!!
E Jorge Amado foi poético ao apaixonar duas espécies antagônicas, caça e caçador, para dizer ao mundo que o amor vale à pena, que o amor transforma e que “O mundo só vai prestar para nele se viver no dia em que a gente ver um gato maltês casar com uma alegre andorinha saindo os dois a voar o noivo e sua noivinha dom Gato e dona Andorinha”.
Ainda que o livro termine sem happy end, é bonito ver como o amor pode acontecer em qualquer lugar (='o'=)

Selise disse...

Eu me emocionei muito com "A Odisséia de Homero", que narra a vida de Homero, o gatinho cego e sua dona, pois, ao contrário de ser uma história sobre a vida de um gatinho em sí, é a história de como uma adoção especial pode ser MESMO especial e nos fazer perceber o quão valentes podemos ser diante das dificuldades somente por acreditarmos que podemos ser e seguirmos adiante.

Lari disse...

Gostei e me encvolvi muito com o livro "O Homem que ouvia cavalos"! desde que vi o livro, me encantei e pedi para ganhá-lo de presente! Me impressionei com a história de um tratador de cavalos, que sofreu muito nas mãos do pai, mas que não suportava ver os cavalos passarem por um tratamento cruel! Foi assim que ele começou a criar seu próprio método para domar cavalos; sem violência! Ele observou os animais selvagens que tanto amava e aprendeu muito com eles!! E eu também me senti muito informada e consciente ao final deste livro tocante! Recomendo para todos que amam cavalos, animais, ou não!
Esse homem, hoje conhecido mundialmente, é Monty Roberts, que ainda espalha seu método, maravilhando pessoas e protegendo os cavalos!!

Lilica. disse...

Não foi um livro envolvendo animais que marcou a minha vida,foi uma redação.Sim , uma simples redação, de um menino de 12 anos que sonhou durante um ano inteiro em adotar um gato...Gato meu filho?????.......Após 12 meses de pedidos initerruptos resolvi dar este presente e esta responsabilidade para ele.A gata já tinha nome, cama, travesseiro , brinquedos... só faltava "ela", a Lola.A alegria deste menino e o amor sentido e esperado , agora realizado, foi o tema livre da sua primeira redação do bimestre...sem medo do ridículo, sim, adolescentes acham tudo ridículo!sem palavras rebuscadas e com uma simplicidade ímpar, ele colocou no papel tamanha sensibilidade falando de sua gata, da imediata identificação dos dois, dos hábitos e elos criados ,da necessidade do aprendizado através de livros de como cuidar e entender o seu gato...e do amor irrestrito que ele sentia por esse ser iluminado e companheiro.
Senti em sua redação a plenitude de um sentimento sincero, do amor irrestrito e do querer e conseguir...
Pude perceber que meu filho já é um homem com determinação através do seu amor pela sua gata, pelas horas dedicadas às brincadeiras, pelos silêncios acompanhados nos estudos e pela redação, que foi nota 10!
Ele nos ensinou esse amor!Como pude viver tantos anos sem ter uma gata????????
Vi que ele está trilhando um bom caminho... o amor é o caminho!

Débora disse...

Já li muitos livros com animais como personagem principal, mas como sou fã dos felinos, sem dúvida nenhuma o livro que mais me marcou foi "A Odisséia de Homero de Gwen Cooper". Além de todas as características marcantes de um gato esperto e sadio, aquele lindo gatinho, sem a visão "física", nos ensina o quanto é importante enxergar com os olhos da alma. Enxergar a essência do ser humano como nenhuma visão bionica é capaz de detectar. Me ensinou a encarar a vida sempre de cabeça erguida, apesar de todos os problemas e dificuldades. Que problemas físicos não nos impedem de sermos e fazermos outras pessoas alegres. E, acima de tudo, que não somos perfeitos, mas podemos viver em harmonia com nosso corpo e ser felizes assim mesmo!

chic de sorte disse...

Eu tenho um amigo, mas um verdadeiro amigo, desses que se acham em esquinas, em praças, em avenidas, em qualquer lugar, eu tenho um amigo que percorria ruas e andava sozinho, que era de ninguém e ninguém queria, que não tinha casa, não tinha comida e vivia triste apenas querendo um amigo. Esse meu amigo tem quatro patas, focinho gelado e olhar cheio de amor, e apenas o viam como um lixo das ruas. Ele estava abandonado e mudou minha vida, poderia ser um gato ou o cão abandonado que conquistou o coração de uma família no livro SALVANDO UM VIRA-LATA de Mark R. Levin.

Gisleine disse...

Um livro maravilhoso que li sobre animais, foi "A odisséia de Homero" de Gwen Cooper, conta a história verídica de um gatinho que foi abandonado ainda filhote e acabou perdendo a visão dos dois olhinhos.
Este livro é uma lição de vida, pois a superação de Homero, que "enxerga" tudo, mesmo sendo cego, nos mostra que os nossos verdadeiros olhos estão na alma, e basta querer para enxergar uma vida maravilhosa, apesar das dificuldades. É um livro leve, emocionante e que prende a atenção do leitor. Amei!

Chá de Panela da Ana disse...

UM livro maravilhoso que li sobre animais, é "O incrível Dom de Oscar", e a lição que o livro me passou, é a importância que pequenas ações tem na vida das pessoas, pequenos gestos, que fazem toda a diferença para aqueles que necessitam, nem que seja o simples fato de estar presente.

Marjana Leite Brun disse...

O nome do livro é "Meu querido Cristopher" e conta a história de um porco que ia ser sacrificado por ter sido rejeitado pela mãe e ao ser adotado, muda a vida de uma família e de toda uma comunidade. Essa história verídica ilustra como animais diferentes dos do nosso convívio comum também podem ser amáveis. Evidencia como "convenientemente" os humanos se esquecem que também pertencem ao reino animal, e pensam ser superiores aos demais animais. É um relato muito interessante pois tira o foco dos animais domésticos, apenas, e nos faz enxergar a alma dos demais bichinhos que dividem o planeta conosco e assim como nossos queridos bichanos, podem nos trazer alegria e amor. Eu recomendo!

Anônimo disse...

O livro que gostei foi "Amor de Quatro Patas" de Valdenora Pereira da Silva ele se encontra no blog http://leoamordequatropatas.com.br grata Sandra

Anônimo disse...

O livro que li sobre animais e gostei muito foi "AMOR DE QUATRO PATAS" que conta uma linda estoria de amor sobre o gato Léo e sua dona,Leo veio para este mundo trazer muita alegria e ensinar o verdadeiro sentido do amor para sua dona,e nem a morte do gato Léo o separou,eles ainda mantem contato atraves dos sonhos espirituais onde podem saciar a saudade e continuar o amor entre ambos. Veja mais no blog http://www.leoamordequatro patas.blogspot.com

Postar um comentário

Olá!
Estamos muito gratos por receber seu comentário aqui no Tudo Gato!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...