O incrível dom de Oscar - Dr. David Dosa

 Sinopse: Como as surpreendentes visitas desse gato mudaram a vida de um médico, seus pacientes e familiares. O Incrível Dom de Oscar é uma terna lição de vida e a história verdadeira de um gato único, dos pacientes que ele 'atende' e de um médico que aprende a 'ouvi-lo'. Ensina a abraçar todas as situações que se apresentam a nós, mesmo aquelas que muitos procuram evitar. Um gato notável, um dom especial. Transformações para toda a vida.

__
 
Assim que este livro chegou na minha casa, eu não resisiti e comecei a ler, quase imediatamente, pois eu já tinha ouvido falar sobre a história de Oscar, um gatinho que mora em um asilo nos E.U.A. e que tem o dom de prever quando os pacientes estão morrendo.

Toda vez que um dos pacientes terminais do terceiro andar da clínica está prestes a falecer, Oscar, que não o mais sociável dos gatos, entra no quarto, deita na cama e se enrosca no paciente, até o momento final.

O livro foi escrito por um geriatra que trabalha neste asilo, o qual a princípio não acredita que Oscar esteja mesmo prevendo as mortes, porém as enfermeiras do local começam a comentar muito sobre as habilidades do gatinho, o que acaba despertando a curiosidade no médico.

Impulsionado por esta curiosidade, ele começa uma pesquisa, conversando com as famílias dos pacientes dos quais Oscar acompanhou a morte.

Foto divulgação
Neste percurso, aprendemos muito sobre o mal de Alzheimer, sobre a própria vida pessoal do médico/autor e vemos, principalmente, a importância de um animal em um momento delicado, onde não há mais cura para a doença que nos afeta.

Em todos os depoimentos dados pelas famílias daqueles que Oscar “previu” a morte, vemos gratidão ao gato pela companhia, todas as pessoas se mostraram felizes e afirmam que a presença do gato afastou a solidão daquele momento tão difícil.

Podemos ver que a presença de Oscar e dos outros gatos do asilo (este asilo tem diversos gatos quer moram lá, pois o dono da clínica acredita que eles ajudam no tratamento dos idosos) ajudou não somente os pacientes, mas também os parentes deles, trazendo conforto a ambos.

Foto divulgação
Pude perceber, na verdade, confirmar aquilo que eu já sabia, que os animais, especialmente os gatos, por sua natureza mais tranquila, só trazem coisas boas a todos que os cercam, como amor, conforto, carinho, distração... coisas que só nos ajudam, até nas situações mais extremas, como as descritas no livro.

Gateiros de plantão não podem perder esta leitura, que nos faz refletir não somente sobre a benção que é a presença de um gatinho em nossas vidas, como também refletir sobre as nossas próprias vidas.

Laura
http://gatosnabiblioteca.blogspot.com
twitter: @GatosBiblioteca



11 comentarios:

Reynaldo N Kajita disse...

Recentemente comprei minha edicao do Livro, O incrivel dom de oscar, estou pasmo de novo, de como um gato pode mudar muita coisas, muitos conceito.

Reynaldo N Kajita disse...

otima leitura, para quem gosta de um pouco dos misterios que a vida nos reserva.

Erika disse...

O livro é ótimo mesmo!

Laurinha, mais uma vez seu post está ótimo... Agora é aguardar a próxima resenha!

Lembra do livro que te falei (A Odisséia de Homero)? É maravilhoso... Se ainda não começou a ler, vale muuuuito a pena! =)

Beijinhos

Fernanda Arantes disse...

Não acho que o gato é vidente, provavelmente ele percebe algo que não percebemos, mas desde que fiquei sabendo desse fenômeno me interessei e agora com o livro e a promessa de filme me interessou ainda mais, estou louca pra ler!!

Laura disse...

Oi Erika!! Ainda nao achei a Odisseia de Homero pra comprar... mas to querendo mto ler!

bJS!

Ana Paula disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ana Paula disse...

Oi Laura,

ótima resenha...me influenciou bastante a querer ler o livro! Já tinha lido sobre esse gato mas não sabia que tinha o livro, vou procurar!
obrigada pela dica!

Aline Silpe disse...

Será que foi o Oscar quem participou de um episódio do House M.D.?? Nesse episódio (vou descobrir qual é e depois conto, ok), o Dr. House matou a charada: o gatinho ficava perto dos pacientes terminais porque os seres humanos ficam febris antes de morrer! ='.^= interessante, não?! Entretanto, não quero que que pensem que escrevi o post para menosprezar os bichanos, porque tenho 3 e sei o quanto eles são atenciosos e gostam de ficar por perto quando estamos passando por dificuldades! =^o^= meou para todos! Aline

Unknown disse...

Estou lendo e estou encantada. Recomendo!

ane forcato disse...

Amo biografias e esta me emocionou muito. Apesar de estrelar um gato, tem uma imensa força humana. Então me pergunto, será essa força humana, ou simplesmente o que move a VIDA? Boa leitura!

ane forcato disse...

Amo biografias e esta me emocionou muito. Apesar de estrelar um gato, tem uma imensa força humana. Então me pergunto, será essa força humana, ou simplesmente o que move a VIDA? Boa leitura!

Postar um comentário

Olá!
Estamos muito gratos por receber seu comentário aqui no Tudo Gato!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...