13 de nov de 2015

Conviva | L!nk Desvenda



Olá, pessoal! 

Estamos chegando em dezembro, e eu fiquei pensando... o que eu fiz de bacana em 2015? O que eu aprendi que vai deixar meu 2016 mais cheio de paz e alegria?

Bom, como felino charmoso que sou, posso dizer que tudo que fiz foi bacana e meu próximo ano será um sucesso rs! Porém, tenho observado bastante meus humanos e parece que nessa época parecem ficar um pouco mais chateados. Como se talvez não tivessem realizado tudo que esperavam realizar. É assim com vocês também? Se for, acho que posso ajudar. Venham comigo!

Primeiro, vamos recordar... nesse ano, comecei a investigar diversos mitos que prejudicavam a relação de gatos e humanos. Lembram quais?


Todo mundo respondendo não, né?! Nós, gatos, somos diferentes e, ao mesmo tempo, tão similares a vocês: cada um com seu jeito e personalidade, prezando sua independência, mas quando conquistados só temos amor para dar.






Ok, ok, eu admito que gosto do meu espacinho. Mas que graça tem possuí-lo sem dividi-lo com meus humanos? Se eu gosto da minha casa, pode ter certeza: é porque me sinto seguro nela – o que jamais seria possível sem afeto e confiança.




Nessa entrevista que dei pro meu querido e famoso amigo Gato Tô, falei bastante sobre a personalidade felina e um pouco da nossa história. Foi difícil explicar como num instante éramos literalmente adorados para em outro sermos perseguidos. Mais difícil ainda porque essa perseguição permanece até hoje... Em menor escala (pelo menos isso!), mas é muito comum ver notícias terríveis de crimes contra gatos no mundo inteiro – inclusive aqui mesmo no meu querido Brasil.



Confesso que esse foi o meu preferido. Não, não o mito! O mito é horrível! Mas poder falar sobre como é incrível a parceria entre nós, gatos, e crianças humanas me deixou muito feliz. Por que?Porque crianças que aprendem essas lições, se tornam pessoas capazes de tornar o mundo um lugar melhor. Tanto pra elas quanto pra nós.




Você deve estar pensando “Tá, L!nk, eu já sei disso tudo, eu vi sua coluna! Mas o que isso tem a ver com as resoluções de ano novo que preciso começar a preparar logo mais, pra dessa vez botar pra quebrar?”

Pois então, por que a maioria dos humanos fica tão pra baixo quando analisam o ano que se passou? Porque não fizeram uma porção de coisas que planejaram. E essas coisas, foram planejadas por qual razão? Porque os humanos querem ser felizes. Você está pensando “isso é óbvio”. Será que é? Fico olhando meus humanos tão preocupados em fazer, em correr, produzir, e isso e aquilo, e mesmo assim parecem não receber a gratificação que esperam. Então, queria fazer um convite. Pra todos vocês que chegaram até aqui porque algum amigo marcou, ou porque ama seu gatinho: que tal colocar esses verbos fazer-correr-produzir embaixo desse aqui PERMITIR.

“Oi?”

Sim, permitir. Permita-se descansar. Permita-se desfrutar de uma amizade cheia de amor e lealdade. Permita-se realmente a olhar o seu gatinho (que tal adotar um se você não tem?) – e, ao compreender um pouco mais sobre ele, você pode compreender também um pouco mais sobre você. E, com isso, talvez no próximo ano você esteja tão cheio de paz que nem perceba que faltou riscar um monte de coisinhas na sua lista de resoluções. ;)

Meus amigos queridos da marca Whiskas (nham!) fizeram um manifesto dessa campanha tão bacana, que vou compartilhar um trechinho aqui. Não deixem de ir para Conviva com Gatos para ver inteiro e se emocionar também!



#convivacomgatos
___

Gato L!nk
Instagram: @tudogato



0 comentarios:

Postar um comentário

Olá!
Estamos muito gratos por receber seu comentário aqui no Tudo Gato!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...